UEL, UERJ e Unicentro recebem prêmios conferidos pela Intercom

Maior entidade da área de Comunicação reconhece o trabalho de pesquisadores das IES estaduais

Em seu discurso, Marcelo (direita) condenou a política de desmonte da educação pública de qualidade, lembrando dos ataques sucessivos ao sistema e, sobretudo, a situação da UERJ (Foto: Intercom)

Principal associação científica da área de Comunicação do país, a Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares em Comunicação), entregou no último dia 8 de setembro, os prêmios de mérito acadêmico conferidos pela Entidade nesse ano de 2017. A cerimônia, realizada em Curitiba, durante o 40. Congresso Nacional da Intercom, reuniu pesquisadores da área de Comunicação de todo o país e, ao premiar professores e projetos, destacou o papel das universidades estaduais brasileiras para o desenvolvimento do campo comunicacional.

O principal prêmio outorgado pela Intercom é o Luiz Beltrão, que é composto por quatro categorias, duas voltadas para pesquisadores da área – Liderança Emergente e Maturidade Acadêmica – e duas destinadas à entidades ou projetos – Instituição Paradigmática e Grupo Inovador. Nesse ano, esta última – que reconhece o trabalho desenvolvido por núcleos de pesquisa, ensino e extensão que se destaquem pela capacidade de inovar nos planos teóricos, metodológicos, tecnológicos ou pragmáticos – foi entregue ao Audiolab (Laboratório de Áudio da Faculdade de Comunicação Social), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). O troféu foi recebido pelo professor Marcelo Kischinhevsky, coordenador-geral do projeto; pela professora Izani Mustafá, bolsita Qualitec; e pela estudante Thayna Estrela, ex-boilsista.

Paulo Boni recebeu o Prêmio da Diretora de Planejamento da Intercom, Ariane Pereira egressa da UEL e professora da Unicentro (Foto: Intercom)

Outro destaque da noite de premiações do Congresso Nacional da Intercom é o Prêmio José Marques de Melo de Maturidade Acadêmica Regional, destinado a um pesquisador da região onde o encontro da Associação é realizado naquele ano. Em 2017, essa condecoração foi conferida ao professor Paulo Boni, docente do curso de Jornalismo e do Metrado em Comunicação da Universidade Estadual de Londrina.

A Intercom confere, ainda, prêmios destinados aos melhores artigos produzidos por estudantes de graduação, mestrado e doutorado e apresentados no ano anterior. A egressa do curso de Jornalismo da Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro), Priscila Schran de Lima, conquistou o terceiro lugar no Prêmio Vera Giangrande, destinados a trabalhos de pesquisa desenvolvidos como Iniciação Científica ou Trabalho de Conclusão de Curso.

Priscila Schran de Lima (esquerda) ficou com o terceiro lugar entre os melhores trabalhos de graduação (Foto: Intercom)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *