Austrália 2017: atividades 20 de outubro

Comitiva visita uma das mais reconhecidas universidades do mundo

Os compromissos da comitiva da Abruem (Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais) – composta por reitores, vice-reitores e diretores de escritórips de relações internacionais – na Austrália tiveram sequência na sexta-feira (20). A agenda, pela manhã, iniciou com uma reunião com três representantes da Study New South Wales (um trade do Estado de New South Wales) – uma da área educacional, outro da área de negócios e outro da área de pesquisa no setor primário. Eles apresentaram a estrutura com que contam e, também, as possibilidades de cooperação em pesquisa e intercâmbio de estudantes e pesquisadores.

Ainda no período da manhã, os integrantes da missão da Abruem à Austrália partiram em direção à Macquarie University. “Fomos recebidos por um representante da cultura aborígene, que trabalha na Universidade. Ele nos deu boas-vindas e falou sobre as ações da Instituião visando a recuperação e a valorização da cultura aborígene, além das iniciativas de inclusão dessas populações na Universidade”, contou o presidente da Abruem, reitor Aldo Nelson Bona (Unicentro – Universidade Estadual do Centro-Oeste).

Representantes da Abruem falam sobre a Instituição em visita à Macquarie University

Em seguida, o pró-reitor de pesquisa da Macquarie University, professor Sakkie Pretorius, abordou a inserção e o impacto das pesquisas desenvolvidas na Universidade em âmbito mundial. Ele afirmou que os eixos principais de atenção da Instituição, fundada em 1964, são o foco no aluno – entendida como atenção especial e acompanhamento para que não haja desistência ao longo do curso – e o foco na inovação – buscando identificar os problemas da sociedade e do governo, trabalham em cima dessas demandas para, na sequência, poderem apresentar resoluções.

Nesse sentido, apresentaram como exemplos a tecnologia wi-fi; o ouvido biônio, que foi desenvolvido/produzido nesta Universidade, e pesquisas atuais sobre as reações no cérebro provocadas por esse ouvido. O principal dicionário australiano também foi redigido por profissionais da Macquerie University.

Sakkie Pretorius disse que Macquarie University está entre os 2% das principais universidades do mundo. O pró-reitor de Pesquisa salientou que para a Instituição é altamente relevante a parceria com universidade brasileiras, especialmente aquelas vinculadas à Abruem devido à característica geográfica e de vínculo social associadas, que estão localizadas sobretudo no interior do Brasil.

Foto oficial da Comitiva da Abruem ao fim da visita técnica a Macquarie University

Doutorandos brasileiros participaram de parte do encontro e testemunharam que foram acolhidos pela Instituição de forma diferenciada, que oferece suporte para a instalação dos estudantes, para aperfeiçoamento do inglês e, ainda, apoio pedagógico, o que faz dela um destino especial para estudos e pesquisas.

A comitiva tem agenda livre no sábado (21) e no dia seguinte (22) parte para Camberra. Lá, as atividades têm início na segunda-feira (23).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *