Abruem é destaque em encontro internacional de Educação Superior

Evento preparatório para a Cres 2018 reuniu 100 dirigentes de universidades de 15 países

Presidente da Abruem discorreu sobre situação do Ensino Superior e da Ciência no Brasil (Foto: Marcio Fernandes)

A Associação Brasileira de Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (Abruem), mais uma vez, teve destaque internacional na área da Educação. O presidente da entidade, reitor Aldo Nelson Bona (Unicentro – Universidade Estadual do Centro-Oeste), participou, no último dia quatro, como convidado especial de um congresso latino promovido pelo Consejo Interuniversitário Nacional (CIN) da Argentina, na cidade de Bariloche, com vistas a preparativos para a Conferência Regional de Educação Superior (Cres), fórum que deverá reunir cerca de 3.5000 lideranças da Educação Superior de mais de 40 países em junho do próximo ano, em Córdoba, na Argentina. O CIN agrega as mais de 60 universidades nacionais e estaduais do país vizinho.

Em Bariloche, o presidente da Abruem apresentou diversas informações sobre o quadro brasileiro de Ciência e Tecnologia e ainda discorreu sobre caminhos para avanços na integração latino-americana e com o Caribe na Educação Superior, especialmente entre instituições públicas. Em agosto passado, Aldo já havia sido convidado e ministrado conferência em outro encontro de reitores e presidentes de entidades de vários países, ocorrido em Porto Alegre.

Graças ao trabalho de todos os reitores e equipe administrativa da Abruem, nossa entidade tem sido cada vez mais ouvida no continente americano acerca do futuro da Educação Superior em nossa região”, pondera Aldo sobre a participação da Associação em Bariloche, quando teve oportunidade de interagir com mais de 100 dirigentes de 15 países, como Uruguai, Paraguai, Colômbia, Panamá, Cuba e México.

Fórum reuniu, em Bariloche, mais de cem representantes de instituições de 15 países (Foto: Marcio Fernandes)

O fórum de Bariloche foi conduzido pelo presidente do CIN e reitor da Universidad Nacional de Jujuy (UNJu/Argentina), Rodolfo Alejandro Tecchi, com suporte do coordenador-geral da Cres 2018, Francisco Tamarit, e do diretor do Instituto Internacional para a Educação Superior da América Latina e do Caribe (Iesalc), Pedro Henríquez Guajardo.

O CIN, a Cres e o Iesalc têm sido parceiros extremamente importantes da Abruem nesse processo de defesa e fortalecimento das redes universitárias, sempre com a visão de que o Ensino Universitário é um direito social, um bem público e um dever do Estado”, arremata o presidente da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *